Vice-prefeita Lisete Marth (PV), que tem salário mensal de R$ 8.100,00, também recebe benefício

O prefeito de Cerejeiras, Airton Gomes (PP), virou alvo de críticas de moradores por receber o valor de R$ 307,00 de auxílio alimentação, apesar do mesmo ter um salário mensal de R$ 16.200,00.

O site de notícias “Mídia Rondônia” foi quem descobriu o que os moradores chamam de “escárnio”.

“A medida pode não ser ilegal, mas do ponto de vista ético, moral, sobretudo para quem já recebe altos salários, e gordas diárias, como o prefeito, a manutenção desse benefício chega a ser um verdadeiro escândalo, um escárnio, uma forma disfarçada de aumentar ainda mais seus ganhos à custa dos cofres públicos”, argumentou o noticioso.

O auxílio alimentação também se estende à vice-prefeita Lisete Marth (PV), que tem um salário de R$ 8.100,00 por mês, vereadores e secretários municipais.

Mesmo com protesto da população que lotou a Câmara de Cerejeiras, quase todos os vereadores aprovaram a concessão do auxílio no dia 10 de novembro de 2017. Só o vereador Valdecir Sapata (PSB) que abriu mão, doando o benefício a entidades filantrópicas.

Foi Sapata quem requereu ao Poder Legislativo a relação de nomes de todos os beneficiados com o auxílio alimentação. E os nomes do prefeito e da vice estão incluídos, além de servidores municipais efetivos e comissionados.

De acordo com o vereador, o impacto desse auxílio na folha do município supera os R$ 180 mil.

O Extra de Rondônia deixa espaço à disposição das autoridades citadas nesta matéria para eventuais esclarecimentos.

Prefeito e da vice estão incluídos na relação dos que recebem o benefício
Informações são do Portal da Transparência do município de Cerejeiras

 

Texto: Extra de Rondônia

Fotos: Extra de Rondônia

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO