No final da manhã desta terça-feira, 8, a Rádio Patrulha do setor Centro, recebeu informação que numa casa na Avenida Alfredo Fontinelli, no Bairro 5º Bec, em Vilhena, havia suspeita de comércio de entorpecente.

De posse das informações, a Radio Patrulha foi ao endereço e localizou Everson Ribeiro Najar, de 18 anos, conhecido pela alcunha de “Guajará”.

Em conversa com o suspeito, os militares perceberam que seus dedos havia vestígios de entorpecente. Com isso, foi pedida permissão para a avó do rapaz para revistarem o quarto do suspeito, no qual foi localizado seis invólucro com substancia  aparentando ser maconha, pesando 34 gramas, além de outros materiais usado para embalar drogas. Além disso, dentro de um sofá foi localizado um tablete com a mesma substancia pesando 464 gramas, R$ 365,00 dinheiro, provavelmente apurado na venda de entorpecente e três aparelhos celulares de procedência duvidosa.

De acordo com a polícia, Guajará usava redes sociais para comercializar a droga. O suspeito disse que havia adquirido o entorpecente de uma pessoa por nome de Marcos Levi, que ele conheceu através do Facebook.

Diante dos fatos, o suspeito, a droga e os objetos apreendidos foram levados para a Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp).

 

Texto e foto: Extra de Rondônia

sicoob credisul
vacina 728×90