Na tarde desta quinta-feira, 10, o presidente do diretório municipal do Partido Democrático Brasileiro (PDT), Wanderley Schmidt, visitou a redação do Extra de Rondônia, onde desmentiu boatos referente ao apoio da sigla à Rosani Donadon, candidata a prefeita na eleição suplementar em Vilhena.

De acordo com Wanderley, não sabe de onde e nem como surgiu o boato, justamente porque o partido fez a convenção no último dia 5, com presença de grande parte dos filiados, exatamente dentro do processo democrático, com direito de votar “sim” ou “não”.

Explicou que, dentro do estatuto e diretrizes do partido, os filiados tendem a seguir a orientação Nacional ou Estadual, sendo que o ex-prefeito Melki Donadon e a deputada Rosângela Donadon estão filiados à sigla, foi seguido à orientação Estadual conforme resolução do Senador Acir Gurgacz.

Wanderley nega que exista rejeição dentro do partido ao nome de Melki Donadon. “Tudo isso é falso, não procede. Com toda certeza é notícia plantada para tentar desestabilizar o processo eleitoral”, reclamou.

O presidente enfatiza que na eleição de 2016 , o PDT apoiou a coligação de Eduardo Japonês, também candidato a prefeito. Entretanto, dessa vez, o processo eleitoral é outro.

Contudo, o apoio está formalizado e registrado no Fórum Eleitoral como está explicito no documento (foto abaixo). “Estou muito triste com as notícias falsas, plantadas para colocar dúvidas na cabeça do eleitor”, encerrou.

 

Texto e fotos: Extra de Rondônia

sicoob credisul
vacina 728×90