Jacy Alves em discurso no comício

A eleição suplementar virou um verdadeiro campo de “guerra” em Vilhena
Além de ataques nas redes sociais, entre defensores dos candidatos Eduardo Japonês (PV) e Rosani Donadon (MDB), agora a situação foi parar nos palanques de campanha política.

Nesta semana, dois ex-vereadores criticaram o ex-prefeito Melki Donadon (PDT), esposo de Rosani Donadon.
Num vídeo em que aborda o assunto da corrupção, o ex-vereador Mauro Bil (PT) disse que “o senhor Melki tem um projeto pessoal, e não para a comunidade”.

Por outro lado, num comício nesta semana, o polêmico ex-vereador Jacy Alves (FOTO) disse que Melki é seguidor do ditador Kim Jung Woon, líder comunista que “matou religiosos”. “Vilhena não merece um demônio desse”, disparou.
Não é a primeira vez que Jacy faz este tipo de declaração. Numa ocasião, no parlamento vilhenense, ele garantiu que o diabo morava em Vilhena.

Tanto Mauro Bil como Jacy dão sustentação política ao candidato Eduardo “Japonês”.
O Extra de Rondônia deixa espaço ao ex-prefeito para eventuais esclarecimentos.

https://

https://
Texto: Extra de Rondônia
Foto: Extra de Rondônia

sicoob credisul
vacina 728×90