O governador Daniel Pereira autorizou a ampliação de mais 62 quilômetros de extensão da rodovia TransRondônia em solenidade realizada no sábado (19), em Cabixi. Em Colorado do Oeste, o governador assinou convênios e ordens de serviços para limpeza, cascalhamento e patrolamento de ruas e asfaltamento urbano, dentre outras ações.

O traçado inicial da rodovia TransRondônia, também conhecida como rodovia do Boi ou da Produção, liga Pimenteiras a Guajará-Mirim numa rota alternativa paralela à rodovia BR-364. O trecho autorizado pelo governador, no sábado, vai unir Cerejeiras a Cabixi, uma das regiões no Sul de Rondônia que tem a produção pecuária e de grãos como principais atividades econômicas.

O recurso para realização da obra já está assegurado por meio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), segundo informou o governador Daniel Pereira. “A ampliação da rodovia é um desejo da comunidade rural e o governo estadual tem muito interesse na obra porque abre mais um canal de escoamento da fronteira produtiva”, disse o governador Daniel Pereira. O Sul do estado produz 100% do algodão, 87% do milho, 80% de soja e responde também por 40% do rebando bovino rondoniense.

Antes de anunciar a ampliação da estrada o governador participou da “Caravana da Rodovia do Progresso”, um movimento liderado pela sociedade organizada da região Sul rondonienses e do Mato Grosso que pleiteia a integração rodoviária do estado vizinho a Rondônia passando por Cabixi.

A caravana percorreu o trecho entre as duas cidades rondonienses e avançou em solo matogrossense até a rodovia MT-199, cerca de 20 quilômetros de Cabixi. “Por todo lado que se olha a plantação de milho e a criação de gado está presente”, disse o pecuarista Davi Orneles, um dos integrantes da caravana e pecuarista em Cabixi. “A ampliação da rodovia significa progresso para região e valorização dos imóveis”, pontuou Orneles.

“Entre Cerejeiras e Cabixi a região é responsável por 60% da produção de grãos”, informou Jair Gollo, o presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Cerejeiras, um dos responsáveis pelo movimento caravana, destacando que o novo trecho da TransRondônia vai encurtar 15 km de distância no escoamento produtivo.

O presidente da Associação dos Produtores de Soja de Rondônia (Asprosoja), Valdir Masutti Júnior, o popular Juca Masutti, defende a integração rodoviária entre os estados. “Sem dúvida, a TransRondônia beneficiará Rondônia e Mato Grosso”, disse Masutti ao protocolar oficio com o governador Daniel Pereira solicitando intervenção do governador junto à União na ação rodoviária entre os estados vizinhos.

Documentos com o mesmo motivo foram encaminhados ao governo estadual pela Associação Comercial de Cerejeiras, Câmara dos Vereadores, Cooperativas e associações rurais e governos municipais de Cabixi e Cerejeiras. Ao receber todos os documentos governador Daniel Pereira manifestou o interesse em dialogar com o governador Pedro Taques, do Mato Grosso, com objetivo de alinhar a ação juntamente com o deputado federal Lúcio Mosquini, a quem Pereira atribuiu a função de promover a agenda positiva.

Autor e fotos: Assessoria

sicoob credisul
vacina 728×90