Por volta das 09h40, desta terça-feira, 22, em áudio enviado via rede social, um policial rodoviário federal disse que em Vilhena, os caminhoneiros aderiram à paralisação, mas de forma pacífica.

De acordo com a informação, os caminhoneiros não bloquearam a rodovia, apenas estão desviando o fluxo dos veículos para que estacionem as margens da BR. Com isso, a pista está livre para quem quiser prosseguir viagem.

Em meio à greve dos caminhoneiros, a Petrobras anunciou, nesta terça-feira, a redução dos preços da gasolina e do diesel. A mudança nas refinarias será de R$ 2,0867 para R$ 2,0433, no caso da gasolina, e de R$ 2,3716 para R$ 2,3351, no litro do diesel. Na segunda-feira, 21, a empresa tinha anunciado aumento dos preços de combustíveis.

É a primeira queda no preço do diesel desde 12 de maio, após seis altas seguidas no preço. No caso da gasolina, o anúncio marca o primeiro recuo no preço desde o dia 3 de maio, após 12 reajustes seguidos para cima.

Texto e foto: Extra de Rondônia

sicoob credisul
vacina 728×90