Queimada 728×90
Marco Vasques

O coordenador acadêmico da Faculdade Unesc de Vilhena, Marco Vasques, visitou a redação do Extra de Rondônia na tarde desta terça-feira, 8, para fazer um importante anúncio: a publicação do edital de processo seletivo que disponibiliza cinco bolsas de estudos para o curso  Medicina 2019.

Para a obtenção das bolsas, contudo, serão respeitados alguns requisitos, e um dos mais importantes é que são direcionadas para as pessoas que tenham cursado em escola da rede pública localizada em um dos sete municípios do Cone Sul de Rondônia, tais como Vilhena, Colorado do Oeste, Cabixi, Cerejeiras, Corumbiara, Pimenteiras e Chupinguaia.

O edital especifica também que a obtenção da média aritmética das notas será obtida através do Enem acima de 450 pontos e nota de redação acima de zero, e atender a renda familiar mensal per capita bruta (por integrante do grupo familiar) de 1,5 salário.  Os selecionados  ainda terão que passar por entrevista.

De acordo com Vasques, o objetivo das bolsas é o retorno social da implantação da Faculdade de Medicina em Vilhena.

“Cada ano serão oferecidas cinco bolsas para os moradores do Cone Sul. É uma oportunidade de ouro, de fazer uma faculdade de Medicina, já que a mensalidade é de R$ 7,3 mil por mês. E durante seis anos será totalmente custeada pela própria instituição de ensino. É importante frisar que todo esse processo foi desenhado no momento de autorização do início do curso, em abril de 2018, com a presença da ex-prefeita  Rosani Donadon. As bolsas foram uma das exigências para que o processo fosse deflagrado em Vilhena. É uma transformação social. Repito: as pessoas têm que morar nos sete municípios da região Cone Sul”, explicou.

Todos o regulamento e edital do processo seletivo encontram-se disponíveis no site da Unesc de Vilhena, no https://www.unescnet.br/vilhena. As inscrições vão de 18 a 23 de janeiro.

 

Texto: Extra de Rondônia

Fotos: Extra de Rondônia

segurança – 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO