Ele acompanha comitiva de empresários e deputados acreanos

Zé Jodan

O vice-governador de Rondônia, Jose Atilio Salazar Martins, o popularmente conhecido como Zé Jodan (PSL), está em Vilhena para uma visita à região do Cone Sul de Rondônia.

Ele acompanha uma comitiva do Acre, formada por um grupo de empresários, deputados estaduais e secretários do Estado vizinho, para conhecer as potencialidades da região voltadas à produção de soja e algodão.

Além de Vilhena, a comitiva visitará nesta terça-feira, 15, os municípios de Cerejeiras, Cabixi e Pimenteiras.

“O grupo busca tecnologia e pesquisas, capacitação de pessoas para investimento em soja e algodão. Eles têm interesse em evoluir na parte de tratamento de animais e confinamento de  peixes. O governo do Acre está animado. Vamos vender para o Acre insumos e calcário. Também vamos alavancar a agricultura do soja em Nova Mamoré, Vista Alegre do Abunã, Extrema e Nova Califórnia. São terras de grande fertilidade e topografia”, disse à reportagem do Extra de Rondônia, durante entrevista realizada na manhã desta segunda-feira, 14, no Guaporé, distrito de Chupinguaia.

UMA SEMANA DE ADMINISTRAÇÃO

Zé Jodan aproveitou a oportunidade para falar sobre os primeiros 15 dias de administração.

“Eu e o governador Marcos Rocha (PSL) estamos alinhados. Ele meu deu ampla abertura para trabalhar de forma livre e tomar decisões no setor agrícola, na parte da piscicultura, cafeicultura, no DER, Idaron, Emater, Embrapa, parte onde tenho grande conhecimento, para colocarmos pessoas capacitadas e que venham alinhar, ao lado dos secretários, o que estiver dando errado vamos corrigir e o que estiver dando certo em outros estados vamos copiar”, destacou.

SECRETÁRIOS

Com relação à nomeação dos novos secretários, o vice afirmou que Marcos Rocha teve total liberdade para escolha da equipe técnica. “Todos têm capacidade e vamos cobrar desempenho e transparência. Agora, não desempenhou, a mesma caneta que o nomeou, também exonera”, advertiu.

MESA DIRETORA DA ALE

A respeito da eleição da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Rondônia (ALE), Zé Jodan foi enfático ao dizer que não há nome confirmado da base governista na disputa e negou que Eyder Brasil seja o escolhido do grupo.

“Estamos alinhados com os deputados e vamos lutar para fazer a Mesa Diretora. Eyder não é o escolhido. Também temos o deputado Lebrão, que é muito amigo nosso. A decisão pelo nome será no dia da eleição, mas o governo vai entrar firme na escolha do presidente para administrar com transparência. É o que todos os deputados e os rondonienses almejam”, esclareceu.

 

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO