Patrícia e Rafael

A redação do Extra de Rondônia recebeu nesta nessa semana Patrícia da Gloria, secretária municipal de assistência social (Semas), de Vilhena.

Acompanhada do seu adjunto, Rafael Nunes, Patrícia fez um breve balanço das ações desenvolvidas em sua pasta e anunciou duas novidades: o sorteio de 300 casas populares para março e a realização de concurso público na prefeitura de Vilhena em julho.

Sobre as casinhas pertencentes ao Residencial “Maria Moura”, Patrícia disse que ainda não há data definida para o sorteio, mas garantiu que será em março. “A Caixa Econômica Federal (CEF), financiadora das unidades, está finalizando todo o procedimento do contrato que os beneficiados terão que assinar”, explicou.

Por outro lado, ela também esclareceu as denúncias de comercialização das casinhas no residencial “União”, o que é considerado crime. “Após levantamento junto à CEF, as informações serão repassadas ao Ministério Público para as providências de praxe”, avaliou.

OUTRAS ATIVIDADES

Ao fazer o balanço das ações da pasta, Patrícia disse que a Semas continuam dando sequência ao trabalho do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), Centro de Atendimento à Mulher (CAM), Centro de Referência Especializada da Criança e Adolescente  (CRECA), Centro de Atendimento Ao Deficiente Físico (CADEF), Casa da Gestante, Centro do Idoso,  Conselho, Tutelar entre outros. “Essas trabalhos são de caráter contínuo, não podem parar. Nosso foco é, cada vez, melhorar nessas áreas”, complementou.

Além desses programas, a chefe de pasta ressaltou que a Semas está com uma casa de acolhimento para mulheres vítimas de violência, o projeto de emissão de Registro Geral (RG)  que tem como finalidade acabar com as filas que se formavam na Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp), entre outros.

Patrícia e Rafael

A secretária enfatizou também que a Semas está realizando no “CRAS Itinerante” na Associação Corumbiara Nova União, e nas Aldeias Indígenas, localizadas na área rural de Vilhena. “Essas atividades têm por intuito levar as ações de informação e serviços de assistência social para essas comunidades”, pontua.

Patrícia explicou que está satisfeita com trabalho desenvolvido por sua equipe, e que, com a realização do concurso público, a Semas complete a equipe técnica de pedagogos, assistentes sociais, psicólogos, e outros profissionais. “Nosso objetivo para esse ano é ter uma equipe completa de técnicos para poder atender todas as demandas da secretária”, encerrou.

 

Texto e fotos: Extra de Rondônia


COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO