Obra em andamento / Foto: Extra de Rondônia

O presidente da Câmara, Ronildo Macedo (PV), assinou o 2° Termo Aditivo e prorrogou, mais uma vez, as obras de reforma e ampliação da sede do Poder Legislativo, em Vilhena.

O procedimento foi formalizado através de extrato divulgado nesta quinta-feira, 16, no Diário Oficial do Município.

Conforme o documento, dessa vez, o prazo de prorrogação das obras vai de 08 de maio até 8 de agosto de 2019. A empresa responsável pela obra é a Engeservice Engenharia Comércio e Serviços Ltda-ME, com sede administrativa em Porto Velho.

O vereador Wilson Tabalipa (PV), presidente da Comissão Especial de Fiscalização da obra, disse ao Extra de Rondônia que a obra está em andamento com a colocação dos vidros e que, provavelmente, seja concluída antes do prazo estipulado no 2° Aditivo. “Isso, porém, vai depender a empresa”, analisa.

Prorrogação vai até 8 de agosto de 2019 / Foto: Extra de Rondônia
O procedimento foi formalizado através de extrato divulgado nesta quinta-feira, 16, no Diário Oficial do Município / Foto: Extra de Rondônia

IMBRÓGLIO

Em abril passado, Tabalipa já havia anunciado a 2ª prorrogação e um novo aditivo de R$ 150 mil para “concluir” reforma milionária da Câmara de Vilhena (leia AQUI). O documento assinado pelo presidente da Casa nesta quinta-feira, porém, não informa se serão gastos novos valores.

Inicialmente, a empresa tinha o prazo de concluir a obra em 26 de janeiro de 2019, o que não aconteceu. Com a primeira prorrogação de 90 dias (leia AQUI), a expectativa – contudo – era que a obra seja, desta vez, concluída na sexta-feira, 26, de abril, o que também não ocorreu.

Entretanto, o parlamentar explicou que, com a prorrogação da obra, outras despesas também deverão ser prorrogadas.

Inicialmente,prazo para concluir a obra era 26 de janeiro de 2019 / Foto: Extra de Rondônia

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO