Foto: Ilustração

A Polícia Federal (PF) deu cumprimento, na manhã desta sexta-feira, 7, a quatro mandados de busca e apreensão expedidos pela 3ª Vara da Justiça Federal de Porto Velho/RO visando apurar a prática do crime de estelionato em detrimento da Caixa Econômica Federal, além de outras falsidades.

As investigações tiveram início após a descoberta que o grupo criminoso estaria fazendo uso de documentos pessoais de um magistrado, sem sua devida autorização, para a emissão de cartões de créditos, utilizados para compras em comércios nesta capital.

A partir das investigações realizadas pela Polícia Federal foi possível identificar os envolvidos no esquema, alguns destes com longo histórico criminal, os quais recebiam em uma residência nesta capital os cartões bancários enviados pelos Correios e assinando o recibo de entrega com dados de pessoa já falecida.

Após o cumprimento das buscas, com a apreensão de diversos itens de interesse para as investigações, os envolvidos serão ouvidos na Polícia Federal e poderão responder pela prática dos crimes de estelionato, falsidade ideológica e associação criminosa, com penas que variam de 03 (três) a 13 (treze) anos de reclusão.


COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO