aftosa 728×90
Av, Major Amarante, centro de Vilhena / Foto: Divulgação

Mais uma vez, a cidade de Vilhena foi, literalmente, “atropelada”, na edição 2019 do Dia do Desafio ao disputar com a mesma cidade de 2018: Manicaragua, de Cuba.

O evento, que teve por finalidade a prática de atividades físicas, aconteceu na quarta-feira, 29 de maio.

Na edição deste ano, conforme informações obtidas pelo Extra de Rondônia, só 9% da população do “Portal da Amazônia” participou, correspondendo a 8.170 habitantes. Já a cidade cubana teve a participação de 26.475 pessoas, o que representa 41% da população desse município.

Enquanto Manicaragua tem 65.238 habitantes, Vilhena tem 95.630, conforme dados dos organizadores.

A falta de divulgação do evento prejudicou que Vilhena seja reconhecida de forma positiva no exterior.

Resultado final divulgado pelo Sesc de São Paulo, organizadora do evento / Foto: Extra de Rondônia

Já em 2018, Vilhena foi derrotada pela mesma Manicaragua. Realizado em 30 de maio e com Vilhena atravessando um processo jurídico/administrativo turbulento devido à troca de prefeitos, com a posse do prefeito-tampão Adilson de Oliveira (PSDB), a cidade obteve apenas a participação de 2.379 de seus habitantes (2% da população).

Por outro lado, a cidade cubana teve 21.882 participantes, o que é 34% da população (lei AQUI).

Em 2017, a cidade “Portal da Amazônia” venceu Liberia, uma cidade da província de Guanacaste, na Costa Rica, com a participação de 23.475 pessoas. Leia mais AQUI

Resultado de 2018 / Foto: Extra de Rondônia
aftosa 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO