Estamos em guerra 728×90

 

Unisp Vilhena/Foto: Extra de Rondônia

D.R.X.S, de 30 anos, chamou a Polícia Militar (PM) e contou que estava chegando em sua casa após um dia de trabalho, quando foi abordado e assaltado por um casal de “noiados”.

Conforme boletim de ocorrência, a vítima relatou a polícia que na madrugada de domingo, 13, estava chegando em sua casa na Rua Paraíba, no setor 19, após um dia de trabalho, quando foi abordado por um casal de “noiados” no seu portão, que disseram que ele estaria devendo para eles e avançaram e subtraíram a força sua carteira, contendo documentos pessoais (RG, CPF) e uma quantia de R$ 100,00 em dinheiro.

A vítima correu para o quintal para se defender, e o casal adentrou imóvel o agredindo com chutes e socos, lhe causando uma lesão na testa e algumas escoriações nos pés e joelhos, no entanto a vítima se negou a receber atendimento médico.

Diante dos fatos foi efetuado diligências no intuito de localizar a dupla, porém, a PM não obteve êxito.

O fato foi registrado na Unidade Integrada de Segurança pública (Unisp).

 

Estamos em guerra 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO