Foto: Ilustrativa

O prazo para a entrega da documentação referente ao recadastramento rural dos clientes da Energisa foi prorrogado até o dia 20 de novembro de 2019.

Desde abril, o governo federal e a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) estão convocando consumidores de todo o país que exercem atividade agrícola e rural ligados à irrigação e aquicultura e que possuem descontos tarifários na conta de energia elétrica, para atualizarem o seu cadastro junto à empresa.

O recadastramento deve ser realizado nas agências de atendimento da concessionária. A atualização cadastral garante a permanência do benefício ao cliente, que dá descontos da tarifa de energia elétrica de até 30%.

A Energisa está atendendo uma determinação do governo federal para conceder o desconto apenas para aqueles que estiverem enquadrados nas respectivas classes. Os consumidores das cidades convocadas que não comparecerem para atualização dentro do prazo definido perderão automaticamente o desconto.

Entre essas classes se enquadram, por exemplo, consumidores que exercem atividades como agropecuária rural ou urbana, cooperativa de eletrificação rural, agroindustrial, serviço público de irrigação rural, escola agrotécnica e aquicultura.

Para se recadastrar, os clientes devem procurar a Energisa de sua cidade, até 20 de novembro, portando os documentos específicos para a sua categoria. Mais informações podem ser obtidas através do telefone 0800 647 0120 ou site: www.recadastramentoenergisa.com.br.

CIDADES CONVOCADAS

Pimenta Bueno, Vilhena, Cacoal, Espigão D’oeste, Colorado Do Oeste, Cerejeiras, Rolim De Moura, Alvorada D’oeste, Santa Luzia, Cabixi, Alta Floresta, Primavera, Nova Brasilândia, Alto Alegre, Seringueiras, Chupinguaia, São Miguel Do Guaporé, Nova Esperança II, Ministro Andreazza, Novo Horizonte Do Oeste, Castanheiras, Corumbiara, Nova Estrela, Migrantinopolis, Canelinha, Parecis, Querência Do Norte, São Felipe, São Francisco Do Guaporé, Porto Murtinho, Santana Do Guaporé, Nova Conquista, Estrela D’oeste e Vila Dom Bosco.


COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO