Período encerra no dia 15 de março / Foto: Ilustrativa

A pesca de mais sete espécies de peixes está proibida devido ao período de defeso que teve início na última sexta-feira 15. Segundo a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental (Sedam), nos próximos quatro meses a pesca é cessada devido ao período de reprodução dos peixes nos rios rondonienses.

Até dia 15 de março de 2020 será considerado crime pescar as seguintes espécies: surubim, caparari, pirapitinga, jatuarana, dourada, pescada e filhote.

Neste período, a Policia Militar Ambiental (PMA) intensificará a fiscalização pelos rios do Estado. Os peixes criados em cativeiros não são proibidos para venda.

Em uma campanha nas redes sociais, a Secretaria do Meio Ambiente de Porto Velho solicita que população não compre ilegalmente os peixes de rios no período de defeso e que procurem lugares com certificados da origem do produto.

TAMBAQUI E PIRARUCU

Segundo a Sedam, o período de defeso para o tambaqui já tinha iniciado no Estado, em 1° de outubro, e vai seguir até 31 de março de 2020.

Já a pesca do pirarucu estava proibida em Rondônia desde 1° de novembro. Para esta espécie, o defeso só encerra em 30 de abril de 2020.


COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO