Segurança 728×90
Reunião aconteceu através de videoconferência / Foto: Divulgação

Dados do último boletim do Ministério da Saúde apontam que o país já registra mais de 2.200 casos confirmados de Coronavírus e 46 mortes pela doença.

Em Rondônia, 5 pessoas testaram positivo para o COVID-19 e estão em isolamento domiciliar. Outros 500 casos seguem em investigação.

Em meio a pandemia que o Brasil enfrenta, deputados e senadores de Rondônia se uniram para garantir recursos extras por meio de emenda de bancada para o combate à doença no estado rondoniense.

Os parlamentares vão destinar R$ 22 milhões para fortalecer o sistema de saúde do estado.

Desse total, R$ 11 milhões serão destinados para o governo estadual, e o restante do recurso para atender os Hospitais Regionais e Microrregionais de oito municípios do estado.

Os hospitais regionais do estado deverão receber R$ 7,5 milhões, distribuídos da seguinte forma: R$ 3 milhões para Porto Velho, e R$ 1,5 milhão para cada um dos regionais de Ariquemes, Ji-Paraná e Vilhena. No caso dos microrregionais, Guajará-Mirim e Rolim de Moura recebem R$ 700 mil cada.

A emenda de bancada contempla, ainda, o Hospital Municipal de Cacoal, que deve receber R$ 1 milhão. O hospital regional do município deve receber recursos do governo estadual, conforme compromisso com o governador Marcos Rocha.

De acordo com o senador Marcos Rogério (DEM), que é também presidente da Comissão de Infraestrutura, a liberação dessa emenda foi um esforço conjunto de toda a bancada federal.

“Nossa prioridade é combater o coronavírus. Além de todas as precauções que já estão sendo tomadas para evitar a propagação da doença, precisamos que o sistema de saúde público do estado esteja pronto para atender com eficiência os rondonienses que precisarem”, explicou Marcos Rogério.

Segundo Marcos Rogério, a previsão é de que o dinheiro já esteja disponível para o governo do estado e prefeituras dentro dos próximos 15 dias.

“Recebemos o compromisso do Governo Federal de que esses recursos serão liberados com prioridade”, destacou o senador.

ARTICULAÇÃO

A ação foi articulada pelo coordenador da bancada, deputado Lúcio Mosquini (MDB), que promoveu duas reuniões remotas, por vídeo conferência, dos deputados e senadores, uma delas incluindo a participação do governador Marcos Rocha (PSL) e secretários do estado.

“É uma ação de toda a bancada federal. Os recursos que somarão os 22 milhões saíram de indicações de cada parlamentar. Não há outra forma de enfrentar e vencer essa pandemia que não seja pela ação de todos”, comentou.

 

>>> VEJA OS VALORES LIBERADOS PELA BANCADA FEDERAL PARA REFORÇAR O SISTEMA DE SAÚDE DO ESTADO:

Governo de Rondônia: R$ 11 milhões.

Porto Velho: R$ 3 milhões

Guajará Mirim: R$ 700 mil

Ariquemes: R$ 1,5 milhão

Ji Paraná:  R$ 1,5 milhão

Cacoal: R$ 1 milhão

Vilhena: R$ 1,5 milhão

Rolim de Moura: R$ 700 mil

São Francisco: R$ 700 mil

 

Segurança 468×60
dengue 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO