Corona 728×90
Jair Montes, o secretário estadual de saúde Fernando Máximo e o governador Marcos Rocha / Foto: Divulgação

Em vídeo compartilhado na manhã desta quarta-feira, 20, em vários grupos de WhatsApp, o deputado estadual Jair Montes (Avante) se mostrou preocupado com o avanço da covid-19 que já infectou 2.413 pessoas e fez 88 mortes em Rondônia.

O parlamentar chegou dizer que “a Saúde de Rondônia está falida” e, sem citar nome, chegou a culpar o ex-governador Confúcio Moura pela falta de hospitais.

“Está faltando vergonha na cara dos políticos que comandam esta nação, que comandam nosso Estado”, disse.

Na opinião de Jair, o “senador”, que ironicamente é médico, está em Brasília só para tirar selfie.

“Nós não podemos transformar isso aqui igual Manaus. Nosso setor de saúde está falido.  Os leitos clínicos estão falidos; Deus queria que não, mas estamos caminhando para isso, um colapso”

PREOCUPADO COM AÇÕES DA COVID-19

Dias desses, Jair Montes (Avante) destacou a atuação da Assembleia Legislativa, na questão do enfrentamento à pandemia, mas externou sua preocupação com as ações que estão sendo postas em prática.

“Sinto que está faltando integração, faltando sintonia. Por exemplo, o secretário de Saúde do Estado, Fernando Máximo, diz uma coisa e a secretaria municipal de Saúde de Porto Velho, diz outra. Essa falta de exames me preocupa e temos que avançar mais”.

>>> VEJA O VÍDEO ABAIXO:

https://

Corona 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO