Corona 728×90

 

Foto: Ilustrativa

Mesmo em um cenário de incertezas globais, devido à pandemia de coronavírus, as exportações brasileiras dos cafés arábica e robusta estão aquecidas.

Em abril, os embarques totais (café verde, torrado e solúvel) somaram 3,3 milhões de sacas de 60 kg, segundo o Cecafé (Concelho dos Exportadores de Café do Brasil).

Apesar de o volume ser 4% inferior ao embarcado em março, houve aumento de 2,5% em relação ao de abril/19. Especificamente quanto ao café verde (arábica e robusta), o volume somou 2,99 milhões de sacas em abril, alta de 1,5% em um ano. Colaboradores do Cepea acreditam que a elevação das exportações em abril pode ser reflexo da pandemia.

Com o aumento das compras de países consumidores e as incertezas quanto à logística, a procura pela commodity aumentou e alguns contratos foram antecipados por compradores, que temiam um possível desabastecimento de café.

Corona 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO