Corona 728×90

 

Foto: Ilustrativa

No último dia 8, o servidor público Lindon Jonson Costa, que atualmente está lotado na Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (Idaron), foi levado pela Polícia Militar (PM), para a Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp), de Colorado do Oeste, sob suspeita de transportar gado sem Guia de Transporte Animal (GTA).

Conforme informações obtidas pela reportagem do Extra de Rondônia, Lindon Jonson que é pré-candidato a prefeito de Colorado, pelo Partido Progressistas (PP), teria comprado 16 cabeças de gado na cidade de Corumbiara e estava levando para seu sítio em Colorado.

Contudo, policiais militares que participavam de uma operação na linha 4 – rumo Colorado, notaram que o motorista de um caminhão boiadeiro ao avistar a viatura, realizou manobra brusca e demonstrou nervosismo chamando a atenção da guarnição.

Com isso, o caminhão foi abordado e o condutor apresentou somente os documentos pessoais e afirmou que não estava de posse da GTA.

O motorista contou que estava transportando os animais para Lindon Jonson Costa, que é funcionário do Idaron de Colorado.

Todavia, após conversarem com o condutor, os policiais descobriram que estavam na frente da propriedade do dono da carga.

Entretanto, foram contadas 16 cabeças de gado. Os militares entraram em contanto com o proprietário, na qual enviou aos policiais via WhatsApp uma guia com data e horário que não condizia com a verdade do fato, provavelmente na intenção de enganar os policiais.

Algum tempo depois, Lindon Jonson disse ter se enganado sobre o documento completo, sem corte, ele enviou um novo documento com horário posterior a abordagem e com a quantidade de animais que não se enquadravam aos que estavam sendo transportados.

Diante dos fatos, os envolvidos foram levados para a Unisp, e apresentados ao delegado de plantão para providências cabíveis.

A reportagem tentou contato com Lindon Jonson, mas não conseguiu. Com isso, deixa espaço aberto caso queira se pronunciar sobre o assunto.

Corona 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO