Estamos em guerra 728×90

 

Sem treinos nem jogos, Ginásio Pedrocão, em Franca, segue vazio — Foto: Reprodução/EPTV

Alguns atletas começaram uma campanha para criar uma mobilização do setor esportivo a favor da votação do Projeto de Lei 2824/20, que tramita na Câmara dos Deputados, e estabelece uma série de medidas de ajuda ao esporte nacional enquanto durar a pandemia da Covid-19.

Nomes como o da medalhista olímpica Adrianinha, do basquete, da ala-pivô Damiris, da WNBA e da seleção brasileira de basquete, do campeão mundial Luciano Correa e da ex-nadadora Joanna Maranhão, hoje, Secretaria Executiva de Esportes da Prefeitura do Recife, já publicaram em suas contas nas redes sociais o apelo à comunidade do esporte para pressionar os deputados a aprovar esse Projeto de Lei proposto pelo deputado federal Felipe Carreras (PSB-PE).

– A cultura ontem teve vitória importante e significativa. O esporte é mais uma área diretamente afetada pela pandemia e a gente também pode se mobilizar! Vamos juntos pra que a #PL2824 seja colocada em votação – escreveu Joanna Maranhão no Twitter, destacando a hashtag #OEsporteTemPressa.

Entre as ações previstas, estão: Complementação de um salário mínimo para os informais do setor, limitado a renda de dois salários mínimos; Durante a pandemia, não poderá ser cortada: água, energia e serviços de telecomunicações das empresas do setor; Prorroga por um ano a aplicação, realização e prestação de contas de projetos de lei de incentivo e permite que os impostos possam ser pagos em até 12 meses; Diz que competições e treinamentos só poderão iniciar mediante regulamentação do Ministério da Saúde, entre outras. A previsão inicial é que a regra vigore até 31 de dezembro de 2020 ou até quando perdurar o estado de emergência de saúde decorrente da pandemia.

Estamos em guerra 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO