Vereador Denilson Ramos (PV) / Foto: Divulgação

A servidora pública municipal V.R, que exerce funções na Farmácia Básica, registrou Boletim de Ocorrência (BO) na base da Polícia Militar contra o vereador Denilson Ramos (PV), em Chupinguaia.

De acordo com a denunciante, o parlamentar vem constrangendo-a constantemente através das redes sociais, mas, desta vez, a teria ameaçado em plena via pública.

A denúncia foi registrada na quarta-feira, 5, quando a servidora informou que o parlamentar a chamou no meio e fez cobranças.

“Me senti ameaçada pelo fato dele sequer resolver pessoalmente, fazendo campanha política encima do trabalho de outras pessoas”, ressalta no BO.

Ela informou, ainda, que a exposição a seu nome continua em áudios nas redes sociais, sendo compartilhado em vários grupos.

“Estou constrangida desde o início de tudo e em estado doentio pela situação. Ele até pode fazer as cobranças, mas não envolver funcionários”, lamentou.

A vítima manifestou interesse de exercer o direito de representação ou queixa contra o parlamentar.

Servidora e vereador foram notificados para comparecerem no Fórum de Vilhena às 11h do dia 18 de setembro.

O OUTRO LADO

No mesmo dia do fato, através das redes sociais, Denilson Ramos comentou o caso e disse que só perguntou à funcionária se tinha remédio na Farmácia Básica.

“Estive sentado em frente ao mototáxi e perguntei à menina que atende na Farmácia Básica se está tendo no nosso município o remédio do covid-19. Ela me respondeu que era para eu ir na Farmácia e que lá iria responder. E ela está certa. Errado fui eu perguntar no meio da rua. Mas tenho todo o direito porque sou autoridade nesse município. Podem meter 40 processos contra minha pessoa, mas vou continuar cobrando”, desabafou.

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO