Estamos em guerra 728×90

 

Foram entregue cerca de 400 peças para montagem de tubos metálicos / Foto: Divulgação

O deputado estadual Luizinho Goebel entregou à Prefeitura de Vilhena cerca de 400 peças para montagem de tubos metálicos armco, que serão usados na revitalização e construção de pontes na cidade.

Há alguns meses, Goebel visitou toda a zona rural na companhia do prefeito Eduardo Japonês (PV) e da equipe da Secretaria de Obras e, durante aquele percurso, o parlamentar fez um levantamento das necessidades na região.

“É Importantíssimo manter as pontes em condições de trafegabilidade. Com a estrutura metálica, isso será possível, visto que a madeira tem durabilidade menor. Temos que nos preparar para encarar o período chuvoso para dar ao produtor rural a condição de escoar sua produção e, ao mesmo tempo, permitir aos moradores de chácaras que acesse a cidade sem transtornos”, destacou Luizinho.

De acordo com o secretário municipal de Obras, Paulo Coelho, popular “Paulinho”, o material chegou em boa hora. “Muitas pontes e pontos de escoamento de água feitos de madeira poderão ser revitalizados ou construídos a partir de agora com essa tubulação metálica, que dará muito mais durabilidade às obras na zona rural ou urbana, bem como proporcionará mais segurança aos motoristas e pedestres no período chuvoso, que se inicia em breve”, conta.

Ao agradecer ao deputado estadual Luizinho Goebel  como “grande parceiro para o município, em todas as áreas”, Paulinho lembrou que a Secretaria Municipal de Obras já reformou ou construiu mais de 70 pontes nos últimos dois anos e que esse trabalho agora poderá ter ainda mais qualidade.

Foto: Divulgação

 

Foto: Divulgação
Estamos em guerra 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO