Decisão judicial favorece Izael, que pode disputar as eleições em Cabixi / Foto: Divulgação

O Juiz Eleitoral Eli da Costa Junior, da comarca de Colorado do Oeste, acolheu pedido de liminar de antecipação de tutela e determinou a suspensão dos trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) contra o ex-prefeito do município de Cabixi, Izael Dias Moreira (leia mais AQUI)

Ao proferir a decisão, em 17 de agosto, o magistrado entendeu que as formalidades administrativas da escolha dos membros da CPI não foram respeitadas e analisou ser razoável a concessão da suspensão- até o julgamento final – já que patente vício de formalidade pode acarretar prejuízos ao ex-prefeito.

Com a decisão, em tese, Izael poderá disputar o pleito eleitoral sem problemas, caso seu nome seja aprovado nas convenções municipais.

O CASO

Moreira, entrou com ação na Justiça para tentar anular a (CPI) formada na Câmara de Vereadores que investiga suposto desvio de recursos públicos no período de 2013 a 2016, quando ele administrava Cabixi.

Na ação obtida pelo Extra de Rondônia, ele alegou irregularidades formais com desrespeito à Lei Orgânica do Município e Regimento Interno do Legislativo na criação da Comissão que deveria ser por sorteio e não por votação entre os parlamentares (leia mais  AQUI e AQUI).

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO