Estamos em guerra 728×90

 

Colação de grau Unesc / Foto: Divulgação

Dezoito formandos dos cursos de sistema de informação, pedagogia, engenharia de produção, direito, arquitetura e urbanismo e análise e desenvolvimento de sistemas oferecidos pela Unesc, em Cacoal, colaram grau na tarde de quarta-feira 23, e dão um importante passo na construção de uma carreira profissional de sucesso.

Entre os formandos está Jeane Corona Rotta que superou todos os desafios e colou grau em pedagogia. Aos 43 anos, Jeane, que é deficiente auditiva, quer continuar seguindo seus planos.  Sobre a instituição de ensino, a mais nova pedagoga rende elogios. “Excelente, ótimo! Foram muitos desafios superados, não só a deficiência auditiva, mas trabalhar, chegar em casa, cuidar dos dois filhos, fazer os trabalhos da faculdade. Tudo isso valeu a pena”, garante.

Jeane colou grau no mesmo dia em que se celebra o “Dia Internacional das Línguas de Sinais”, data criada para aumentar a conscientização sobre a importância da língua para a inclusão das pessoas surdas e promover o uso da Língua de Sinais.

Durante a cerimônia de colação de grau, o presidente da Unesc fez questão de passar uma mensagem aos formandos. “A Unesc se sente honrada por vocês terem escolhido a nossa instituição. Ao longo destes 35 anos, a Unesc tem formado profissionais competentes, habilidosos. Temos orgulho de formar profissionais e grandes cidadãos para Cacoal, para Rondônia e para o mundo. Vocês estão concluindo uma importante etapa, mas não parem, não deixem de estudar, de buscar cada vez mais conhecimento”, destacou o presidente da Unesc, Antônio Carlos Nascimento”.

Antônio Carlos Nascimento e Jeane Corona Rotta / Foto: Divulgação
Estamos em guerra 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO