Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

 

Carga estava sem nota fiscal/Fotos: Divulgação

Na manhã desta sexta-feira, 23, uma carga de cachaça avaliada em aproximadamente R$ 160 mil, foi apreendida por fiscais da Secretaria de Estado de Finanças (Sefin), no posto fiscal na entrada do Estado de Rondônia.

A carga com 23.088 garrafas de cachaça estava sendo transportadas sem nota fiscal.

Indagado, o motorista da carreta Volvo FH 540, contou que carregou a cachaça em Goiânia – GO, e tinha como destino a cidade de Pimenta Bueno – RO.

Vale ressaltar que a alíquota da cachaça é de 37% – para evitar sonegação, mesmo assim empresários continuam sonegando.

Neste caso, a multa pode chegar a R$ 110 mil. Enquanto o proprietário não pagar o valor devido dos impostos a carga fica retida no pátio do posto fiscal.

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO