Jogando em casa, o time carioca empatou em 1 x 1 com o Racing / Foto: Delmiro Junior

O Flamengo está eliminado da Libertadores.

Jogando em casa, o time carioca empatou em 1 x 1 com o Racing e perdeu nos pênaltis.

O time agora foca no Campeonato Brasileiro, onde briga pela liderança e pelo título da competição.

Os dois times fizeram um jogo parelho na primeira etapa, onde sobrou disposição e faltou criatividade. Rogério Ceni mandou a campo a zaga formada com Rodrigo Caio e Gustavo Henrique, e Vitinho formando o ataque com Bruno Henrique, atuando mais centralizado.

O Racing veio disposto a marcar antes da linha do meio de campo e esperava um vacilo dos donos da casa. Mas com muita entrega e poucas chances de gol, o jogo foi para o intervalo sem gols.

EXPULSÃO E GOL ARGENTINO

O jogo seguia o panorama do primeiro tempo. O Racing, recolhido, apostava nos contra-ataques para surpreender o Flamengo. E teve sua vida facilitada quando Rodrigo Caio foi expulso pelo segundo amarelo, antes dos vinte minutos de jogo.

E o Racing se aproveitou da vantagem numérica em campo. Em cobrança de falta, Sigali apareceu livre para abrir o placar, momentos após a expulsão de Rodrigo Caio. O Flamengo teve grandes chances de empatar o jogo e levar para os pênaltis, mas esbarrava em grande atuação do goleiro Arias.

Mas de tanto tentar, o Flamengo sentiu a energia de sua torcida e não desistiu. Aos 48 minutos, Diego cobrou escanteio na cabeça de Arão, que empatou o jogo e levou a decisão para os pênaltis.

PÊNALTIS

Na cobrança das grandes penalidades, os dois times confirmaram as três primeiras cobranças. Na quarta, o jovem Alcaraz bateu e fez. Mas Arão perdeu e eliminou o time-rubro-negro.


COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO