Gladys Quispe e Moises Rodrigues / Foto: Divulgação

A médica Gladys Castedo Quispe faleceu na tarde desta terça-feira, 12 no município de Cacoal.

De acordo com informações preliminares, ela estava hospitalizada no Hospital dos Acidentados, onde chegou a ser entubada e até conseguiu uma breve melhora.

A profissional contraiu a doença faz alguns dias e chegou a queixar-se com colegas de que vinha sofrendo bastante falta de ar e outros sintomas. Foi aconselhada a procurar atendimento médico e nos últimos dias ficou internada na UTI do Hospital dos Acidentados.

A morte ocorre após ela ter 80% de saturação do nível de oxigênio e comprometimento dos pulmões.

Esta semana tem sido bastante difícil para os profissionais que dedicam suas vidas no combate à covid-19 em Cacoal.

Em menos de 48 horas, dois profissionais de saúde perderam a vida na luta contra a doença. A morte de Gladys ocorre um dia após a população de Cacoal sofrer a perda de outro profissional de saúde, o enfermeiro Moises Alves Rodrigues, de 41 anos.

 


COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO