Operação aconteceu na manhã desta sexta-feira / Foto: Assessoria

A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira 26, a operação “Alter Ego”, para investigar pessoas que vem atuando ilegalmente como psicólogos no município de Ji-Paraná.

As investigações foram iniciadas no final do ano de 2019, após o Conselho Regional de Psicologia de Rondônia ter constatado que o investigado requereu registro junto ao órgão por meio da apresentação de documentos falsos.

Foi apurado que o falso psicólogo utiliza dados de profissional legalmente registrado junto ao CRP do Estado de São Paulo e que tem prestado atendimentos em clínicas de Ji-Paraná e em sua própria residência. Após os atendimentos, o investigado passava a ameaçar seus pacientes, sob a alegação de que divulgaria os problemas a ele narrados.

O investigado poderá responder pelo exercício ilegal da profissão, além de, sem prejuízos para a delimitação de outras condutas, ser indiciado pelos crimes de uso de documento falso e falsidade ideológica. O nome da operação, “Alter Ego”, faz alusão a expressão utilizada na psicologia para designar pessoa que leva uma vida dupla.

Foto: Assessoria
sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO