Acir Gurgacz, Marcos Rocha e Silvia Cristina / Foto: Divulgação

Dos três senadores rondonienses, Marcos Rogério (DEM) e Acir Gurgacz (PDT) manifestaram-se pela abertura de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), mas em lados opostos, segundo o Congresso em Foco. Acir havia subscrito o requerimento do senador Randolfe Rodriges (Rede) pedindo investigação sobre a condução do Governo Bolsonaro na pandemia do novo Coronavírus.

O pedido foi atendido pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Por outro lado, o senador Marcos Rogério assinou outro pedido de CPI, mas de autoria do senador Eduardo Girão (Podemos) estendendo a investigação para Estados e municípios, como quer o presidente da República.

Marcos Rogério é vice-líder do Governo no Congresso e disputa em Rondônia o espaço político bolsonarista com o governador Marcos Rocha (Sem partido). Evangélico, o parlamentar também defendeu a abertura dos templos e igrejas.

Enquanto a disputa se acirra em nível nacional, Rondônia vacinou 136 mil pessoas com a primeira dose do imunizante, e outras 56 mil com a segunda dose. O Estado registrou 198.513 casos da doença e 4.569 óbitos.

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO