Pagani em discurso na tribuna da Casa de Leis / Foto: Extra de Rondônia

Em seu discurso na sessão ordinária desta terça-feira, 18, o vereador Dhonatan Pagani (PSDB) trouxe à tona uma situação preocupante: a perseguição de servidores público na prefeitura de Vilhena.

O parlamentar fez um relato do caso ao comentar denúncias que recebeu de servidores vítimas desse crime.

Na tribuna da Casa de Leis, contudo, ele mandou uma mensagem aos autores do crime: “se você gosta de perseguir servidor, eu vou perseguir você. Vou fazer questão de eu mesmo denunciar você no Ministério Público”.

O vereador disse que foi procurado diversas vezes por servidores públicos para narrar os fatos e ente os vários motivos seria por não compactua com o posicionamento político de “A” ou “B” .

“Isso existe dentro da administração. Não é conto de fadas. Escala de plantão alterada.

Isso dificulta o serviço dos servidores e da comunidade, já que a capacidade produtiva reduz, já que o servidor se sente desmotivado. É horrível trabalhar dessa maneira. Não podemos admitir perseguição de servidor dentro da administração”, desabafou.

Em seu perfil no Facebook, Pagani também tratou sobre o tema: “há algum tempo, tenho recebido diversas denúncias de servidores públicos que são perseguidos por simplesmente apontarem irregularidades, desperdícios ou por simples divergências políticas. E eu tenho uma mensagem bem clara e objetiva para quem faz isso: perseguir servidor público prejudica a prestação de serviços ao cidadão, é assédio moral e caso de improbidade administrativa. Servidor, não se cale! Denuncie!”.

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO