Frigorifico / Foto: Ilustrativa

No primeiro quadrimestre de 2021 valorizou-se 8,63%, enquanto os preços de cortes, industrializados e carne salgada recuaram 8,33%, 1,61% e 5,14%.

Embora tenha sido o único item com queda no volume embarcado (redução de quase 4%, contra aumentos de, 6,40%, 11,18% e 18,08% nos volumes de, respectivamente, cortes, industrializados e carne salgada), o frango inteiro é também o único até aqui a registrar aumento de preço: no primeiro quadrimestre de 2021 valorizou-se 8,63%, enquanto os preços de cortes, industrializados e carne salgada recuaram 8,33%, 1,61% e 5,14%.

Porém, no tocante à receita cambial, apenas os cortes de frango – principais formadores da receita do setor – apresentaram redução, de quase 2,5%. Comparativamente ao mesmo período de 2020, a receita cambial do frango inteiro aumentou 4,37%, a dos industrializados 9,38% e da carne de frango salgada pouco mais de 12%.

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO