Foto: Divulgação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Rondônia registrou, na quinta-feira (27), sete ocorrências envolvendo transporte de mercadoria sem nota e excesso de peso.

Os registros foram observados em Vilhena/RO e Humaitá/AM.

Apesar de estar localizada no estado do Amazonas, a cidade de Humaitá faz parte da área de cobertura da Delegacia da PRF de Porto Velho (Del 01).

Durante atividade de fiscalização de trânsito, com apoio de servidores do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, os policiais flagraram 6 caminhões trafegando de maneira irregular na BR 230.

As aferições mensuradas pela balança rodoviária contabilizaram aproximadamente 100 toneladas de materiais para construção, das quais mais de 50 toneladas, que eram transportadas em excesso, resultaram em multas que, somadas, ultrapassam R$ 10 mil.

Já em Vilhena, na BR 435, o motorista de um caminhão responderá por transporte de mercadoria sem nota fiscal, por ter tentado utilizar duas vezes o mesmo documento fiscal para transportar 18 toneladas de argila.

O veículo fora abordado duas vezes, na mesma manhã, por policiais de plantão na região e em ambas oportunidades, o condutor apresentou a mesma nota fiscal, incorrendo assim em crime fiscal.

O excesso de peso e os crimes fiscais trazem prejuízos silenciosos à sociedade. Os constantes danos ao pavimento das rodovias ocasionados por veículos que transportam mais carga do que são autorizados e o não recolhimento de impostos referentes a mercadorias comercializadas em nossa região trazem impacto negativo não só na dinâmica dos transportes, mas em toda a convivência dos cidadãos que habitam as cidades do Norte do país.

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO