Coluna escrita por Humberto Lago

Nesta semana, conversando com dois empresários locais, falávamos a respeito de sonhos pessoais. Alguns de nós somos férteis e criativos, na concepção de sonhos; outros, no entanto, têm um desempenho distinto. Em qual dos grupos você, empresário ou gestor amigo, se enquadraria atualmente?

Um desses empreendedores começou a contar-me sobre seus sonhos. E foi falando sobre eles, um a um. A certa altura eu o interrompi, pois se tratavam de sonhos que envolviam diretamente a empresa onde trabalhava. Eram novos projetos, envolviam a expansão de negócios, também a diversificação de produtos etc. Pensando melhor, todos eles eram sonhos da empresa e não pessoais. Isso me fez concluir que no nosso meio ainda existem pessoas desacompanhadas de sonhos pessoais. E isso é muito triste. Você concorda comigo?

A outra pessoa contou-me com entusiasmo seu mais recente sonho. Eu e meu sócio queremos ir para o rio pescar. E de lá, no meio do mato, queremos administrar a empresa, mediante relatórios do computador, que teremos com a aquisição de um moderno e eficiente sistema de gestão empresarial.

Meu sócio e eu não estaremos juntos, mas pretendemos administrar a firma à distância. Não interessa se o estoque de produtos acabados estiver alto, ou se o saldo de caixa baixar demais, os se as vendas estiverem fracas e o desempenho da fábrica não for satisfatório. E continuou: eu quero continuar na beira do rio, pescando, e de lá instruir os responsáveis.  Qual sua avaliação a respeito deste sonho?

Sonhos tem um poder enorme; sonhos nos impulsionam; sonhos expandem nossos horizontes; sonhos trazem qualidade de vida; sonhos preservam a família; sonhos nos conectam com o Criador! É assim na sua vida? É assim na sua empresa?

Alguém pode dizer: mas esta é uma firma familiar, onde as coisas são diferentes. Meu pai nunca concordaria com isso. Pelo contrário, entendemos que é preciso estar junto dos empregados; sermos vistos diariamente no local de trabalho… Será mesmo?

É impressionante o impacto que um sonho pode ter numa empresa. Ele pode causar uma revolução interna nunca vista, com resultados marcantes. Nós, os mais velhos, devemos incentivar os mais jovens a sonhar grande. O futuro de nossa família e do país é influenciável pela grandeza e convicção de nossos sonhos.

Por isso gostaria de convocá-lo a sonhar. Faça isso a nível de diretoria e sem discriminação alguma. Você tem a oportunidade; não se apequene; não subestime a capacidade de seus comandados. Exercite o novo; seja criativo; derrube as barreiras; crie um clima propício.

Em Maio/22 voltarei à sua presença para confirmar se o sonho acima se concretizou.  Até lá vamos ao trabalho com fé e perseverança. Sonhar não tem custo. Gerencie um novo tempo em sua organização. Pense nisso enquanto lhes digo até a semana que vem.

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO