Foto: Extra de Rondônia/Rede Social

Na tarde de sexta-feira, 4, uma guarnição da Polícia Militar (PM) foi chamada num sítio na linha 2, no Km 2,5 na área rural de Cerejeiras, onde a informação dava conta que teria acontecia uma tentativa de assassinato.

Ao chegar ao local e em contato com a esposa da vítima, ela relatou aos militares que um homem chegou na propriedade e pediu gasolina, disse que tinha acabado a gasolina de sua moto.

Com isso, a mulher arrumou uma quantia de combustível para o desconhecido, contudo, o homem disse que queria comprar um porco, neste momento ela teria desconfiado do rapaz e saiu da casa, deixando o marido identificado como Alciso Gomes da Silva, de 66 anos, negociando o animal. Em seguida, ela ouviu gritos de socorro vindos de dentro da casa e ao entrar na residência encontrou seu marido esfaqueado e o suspeito fugindo sentido a estrada.

O corpo de Bombeiros foi chamado e levou a vítima ao pronto-socorro da Unidade de Saúde, onde recebeu atendimento, mas devido à gravidade dos ferimentos teve que ser transferido para o Hospital Regional de Vilhena (HRV), onde passou por cirurgia de emergência, mas não resistiu e morreu na UTI.

A transferência do paciente foi feita por uma Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros até Vilhena, haja vista, que o município de Cerejeiras tem três ambulâncias, e segundo informações estão todas quebradas.

A esposa da vítima identificada pelas iniciais C.D., de 35 anos, ainda contou aos policiais que estava recebendo ameaça de morte por parte do seu ex-marido que não aceitava a separação. Segundo ela, ele pode ter sido o mandante do crime.

Um filho da vítima que mora em Vilhena, providenciou o sepultamento com a funerária Canaã e o corpo do sitiante foi enterrado as 17h30 deste sábado, 5, no cemitério Cristo Rei, em Vilhena.

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO