Pimenteiras do Oeste, na região sul de Rondônia / Foto: Wilmer Garcia

Pimenteiras do Oeste, localizado na região sul de Rondônia, é o segundo município no ranking nacional de mortalidade por covid-19 proporcional à população no Brasil.

É o que indica os dados divulgados na reportagem “Tragédia atrás da névoa”, publicada no último sábado, 19, na seção “TAB”, do portal UOL.

De acordo com a reportagem, Marema, cidade de Santa Catarina, de apenas 1.750 habitantes, lidera o ranking nacional, tabulados pelo pesquisados Wesley Cota, da Universidade Federal de Viçosa (MG), a partir de dados de todas as secretarias estaduais da Saúde.

No Brasil, a mortalidade está em 234 a cada 100 mil habitantes. Em Marema, a proporção é de 800 mortos a cada 100 mil. Em terceiro está a cidade de Parisi, no noroeste paulista.

“Já era tarde: Marema encabeçava a estatística de óbitos por habitantes, seguida por Pimenteiras do Oeste, cidade na fronteira de Rondônia com a Bolívia, e Parisi, no noroeste paulista. Esse dado, tão importante para definir políticas públicas certeiras, deveria ser divulgado e levado em conta pelo Ministério da Saúde. Mas, como tantos outros conhecimentos objetivos, perdeu-se na zona cinzenta que virou o combate à pandemia pelo governo federal”, diz um trecho da reportagem (leia a matéria íntegra AQUI)

Conforme o boletim da Secretaria Estadual de Saúde divulgada neste domingo, 20, Rondônia tem 243.156 casos confirmados, 7.837 (3,22%) casos ativos, 229.289 (94,30%) pacientes recuperados e 6.030 mortes desde o início da pandemia.

Até o momento, Pimenteiras registrou 423 casos totais, 15 mortes e tem 400 recuperados. Nas últimas 24 horas não foram registradas mortes e nem novos infectados da covid-19.

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO