Unidade Integrada de Segurança Público (Unisp) de Vilhena/ Foto: Extra de Rondônia

O delegado Núbio Lopes de Oliveira, titular da Delegacia de Homicídios de Vilhena apresentou na manhã desta quinta-feira, 15, a conclusão de dois inquéritos, relacionados a tentativas de assassinato ocorridas no final do mês de abril e início de maio deste ano, cujos autores foram presos em flagrante de delito pela Polícia Militar.

O primeiro caso apresentado ocorreu na noite de 23 de abril, no “Bar do Nelsinho”, localizado no bairro Bodanese, onde A.R. da S., tentou matar a golpes de facão o proprietário J. N. de S.,  que teria negado lhe vender bebidas alcoólicas, pelo fato do mesmo já possuir dívidas no local.

Após ter seu pedido negado, A. saiu do estabelecimento e retornou minutos depois em posse de um facão, tendo golpeado o proprietário por diversas vezes, só não concluindo seu intento devido ao fato da vítima ter se trancado no banheiro para se livrar da morte.

Preso minutos depois na casa do pai e ainda em posse da arma usada no crime, A. foi indiciado por tentativa de homicídio simples.

Já o segundo caso se deu na madrugada do primeira dia do mês de maio, em uma casa localizada na Avenida 05, no bairro Bela Vista, onde dois amigos acabaram se desentendendo por motivos que ambos não quiseram revelar e um deles tentou matar o outro a golpes de faca.

Na ocasião, R. A. C., mais conhecido como “Cuiabano”, havia ingerido bebidas alcoólicas juntamente com J. C. S. e a caminho da casa do colega, acabaram entrando em desavença.

Revoltado com uma atitude de J., a qual não quis revelar, R. apenas disse a seguinte frase antes de voltar armado com uma faca: “espera ai cabra safado, que vou ali buscar um negócio pra você “.

Minutos depois, R. Entrou na casa de J. e lhe esfaqueou violentamente, só não tirando sua vida porque a mãe da vítima entrou no meio e conseguiu desarma-lo.

Mesmo ferido, J. aproveitou a ajuda da genitora e conseguiu imobilizar R. até a chegada da Polícia Militar, que realizou sua prisão em flagrante.

Como a motivação do crime não foi revelada nem pelo agente, nem pela vítima, R. foi indiciado por tentativa de homicídio simples.

 

 

 

 

 

 

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO