Envolvidos em ato foram presos / Fotos: Divulgação

Divulgado pelo Extra de Rondônia em primeira-mão, a festa, que gerou uma confusão generalizada na madrugada deste domingo, 18, no pacato Pimenteiras do Oeste, na região sul de Rondônia, resultou em ameaça de morte e acabou com a prisão de 10 pessoas, incluindo um vereador desse município (leia mais AQUI).

Conforme informações obtidas pelo Extra de Rondônia através do Boletim de Ocorrência (BO), policiais de Cerejeiras foram acionados para irem à cidade de Pimenteiras, haja vista que a população, quase 200 pessoas, estava na praça descumprindo o decreto em vigor que visa medidas restritivas contra a covid-19.

A rua estava fechada e estavam com som automotivo, fazendo ingestão de bebida alcoólica, gerando aglomeração e sem máscara.

Conforme o BO, os policiais realizaram a abordagem, mas foram “recepcionados” por Jorgiano Garcia Leite, que se identificou como vereador, alegando que a ação policial seria errada e ilegal, instigando a população.

Um cidadão, identificado pelas iniciais M.M, teria começado a ofender os policiais com xingamentos, palavrões e fazendo ameaça de morte, tais como “filho da puta, policial de merda, policial de bosta” e que iria pegar ele na rua e iria matar. Nesse momento, conforme o BO, o vereador partiu em direção aos policiais com socos e, em ato contínuo, foi até outro policial que já havia imobilizado M.

Populares lançaram garrafas de cerveja contra a viatura. Um PM estava caído e sendo agredido, e outros ficaram lesionados por pedaços de garrafas. Um foi levado ao hospital. Um Policial evitou que sua arma fosse roubada e seja vítima de homicídio. Foram necessários tiros de borracha e uso de spray de pimenta

Além da guarnição de Cerejeiras, policiais de Corumbiara reforçaram a ação, que acabou prender 10 pessoas, acusadas de desacato, lesão corporal, desobediência e resistência à prisão.

https://

https://

 

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO