Solenidade ocorreu no último domingo / Foto: Divulgação

“Felizes são os pioneiros que colonizaram o imenso Estado de Rondônia e aqui realizaram seus sonhos. Mais feliz ainda são àqueles que vieram com o propósito de servir a Deus e evangelizar os destemidos pioneiros. E depois, de mais de três décadas deixa um legado de exemplo e serviço no reino de Deus que continuará inspirando novas gerações,” assim o deputado Cirone Deiró justificou a aprovação em plenário da Assembleia Legislativa do “Voto de Louvor” que foi entregue no último, dia 18 de julho.

A data foi marcada também pelo aniversário de 77 anos do pastor Manoel Ângelo Chagas que se aposentou das suas responsabilidades pastorais. Manoel Chagas liderou a 4ª região eclesiástica da Convenção Estadual dos Ministros das Assembleia de Deus no Estado de Rondônia (Cemaderon).

A solenidade foi realizada sob a liderança do presidente da Cemaderon, Nelson Luchtenberg que enalteceu a honradez com que o pastor Manoel Chagas conduziu o ministério no município de Rolim de Moura e Zona da Mata. Integram a 4ª região os municípios de Cacoal, Rolim de Moura, Ministro Andreazza, Espigão do Oeste, Parecis, Pimenta Bueno, Santa Luzia do Oeste, Alta Floresta do Oeste, São Felipe do Oeste, Alto Alegre dos Parecis, Nova Brasilândia do Oeste e Novo Horizonte do Oeste.

Além da sede, a Assembleia de Deus, em Rolim de Moura, são 15 congregações no perímetro urbano, e outras 34 congregações na área rural. Outras quatro congregações em Castanheira, Jardinópolis, Migrantinópolis e Nova Estrela. Além do trabalho de missões, incluindo em aldeias indígenas e também 13 congregações em Minas Gerais.

Para marcar a data foi celebrado um culto de louvor a Deus que contou com a presença de líderes e representantes das Assembleia de Deus de todos os municípios da região da Zona da Mata, além de lideranças, a exemplo dos pastores presidente da Assembleia de Deus, em Cacoal Roberto Varjão, da Cemadron Nelson Luchtenberg e de Ji Paraná Sadraque Muniz.

Durante a celebração de culto de gratidão a Deus pela vida e ministério de Manoel Ângelo Chagas os pastores e líderes que fizeram o uso da palavra  foram unanimes em reconhecer a trajetória exitosa do ministério liderado ele que sempre contou com o apoio e parceria irrestrita da sua esposa Neuza. O casal chegou a Rondônia, em 1979. Inicialmente, a serviço do ministério da igreja Assembleia de Deus, se estabeleceram em Presidente Médici.

O pastor Joas Chagas, filho de Manoel e da irmã Neuza agradeceu em nome da família a todos aqueles que participaram de alguma forma do ministério pastoral do seu pai. Ele lembrou que a dedicação do pai e o apoio da mãe ao trabalho ministerial sempre foi vivenciado com muita responsabilidade e ao mesmo tempo com muita alegria e leveza. Segundo ele, o exemplo do pai impactou e continua impactando milhares de vida que ainda tem e terão a oportunidade da sua convivência.

O deputado Cirone Deiró, lembrou que o jovem presbítero Manoel Ângelo Chagas foi consagrado pastor e assumiu os trabalhos de evangelização e consolidação do ministério da Igreja Assembleia de Deus, em 1983, no recém criado município de Rolim de Moura.

“Sua dedicação ao ministério pastoral ao longo dos anos, inspiraram milhares de pessoas que tiveram suas vidas transformadas pelo evangelho. Dia 18 de julho de 2021, foi dia de celebrar seu aniversário de 77 anos e todas as bençãos de Deus por esses 38 anos de ministério, assim também como da sua inseparável companheira, irmã Neuza, filhos e netos”, justificou Cirone.

Segundo o deputado Cirone Deiró, que foi representado na solenidade pelo coordenador do gabinete Elias Nunes, homenagear o Manoel Ângelo Chagas é reconhecer publicamente a história de um pioneiro que sempre esteve a frente de seu tempo.

“Por isso, fiz questão de honra-lo com essa homenagem de ‘Voto de Louvor’ em nome da Assembleia Legislativa de Rondônia para que fique registrado o pioneirismo, a história e o legado do pastor Manoel Ângelo Chagas, homenagem extensiva a sua esposa, irmã Neuza com quem está casado há 57 anos”, afirmou.

Durante a solenidade e culto de jubilação de Manoel Ângelo Chagas também foi realizado a posse do pastor Maxuel Kaiser, em substituição a Manoel. O deputado Cirone Deiró desejou êxito a Kaiser que veio do município de Espigão do Oeste para assumir o legado do pastor.

“Estou certo que, assim como Deus usou a juventude do pastor Manoel para abrir novas fronteiras para evangelizar essa região, usará também a juventude do pastor Maxuel Kaiser para ampliar e consolidar esse trabalho”, concluiu.

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO