Coluna “Cego, Surdo e Mudo” / Foto: ilustrativa

@@@ INVESTIMENTOS EM VILHENA

Semana de boas notícias em Vilhena. O governador Marcos Rocha cumpriu extensa agenda nesta sexta-feira, 23, no município e realizou a entrega de uma moderna usina de asfalto CBUQ (Concreto Betuminoso Usinado a Quente) com investimentos de aproximadamente R$ 10 milhões e equipamentos do PPA aos prefeitos do Cone Sul. Marcos Rocha se emocionou com a receptividade, ao ponto de quase ir aos prantos, e garantiu que seu governo vai transformar a realidade do rondoniense para melhor. Bom, faltam 1 ano e 5 meses para concluir o mandato. Ainda dá tempo!

@@@ TIROU O CORPO FORA

Num momento do seu discurso, que aconteceu em frente ao luxuoso e milionário prédio da Câmara de Vilhena, Rocha, ao falar de responsabilidade na gestão estadual, “tirou o corpo fora”, ao comentar as atribuições dos seus secretários, dizendo que cada um é responsável pelo seus CPF. Na verdade, o CPF dele também está envolvido, já que o governador é responsável solidário da administração. Sugerimos “olhos bem abertos” nas ações.

@@@ FIEL A BOLSONARO

Ainda em Vilhena, Rocha encerrou seu discurso afirmando ser grato e que nunca será desleal com o presidente Jair Bolsonaro. Isso porque não é segredo que Rocha foi eleito governador através do efeito Bolsonaro na eleição de 2018. Embora ainda não tenha confirmado, interlocutores garantem que ele vai à reeleição em 2022. Mas, conforme analistas políticos, o tal “efeito do mito”, dessa vez, pode não ter o resultado do pleito anterior. Vamos aguardar!

@@@ “TREINAMENTO” EM BRASÍLIA

O prefeito de Vilhena, Eduardo Japonês (PV), acompanhado pela vice Patrícia da Glória (PV), peregrinou em Brasília na semana passada na famosa justificativa de “buscar recursos” para o município. Fontes garantem que a viagem também teve como fim doutrinar a vice na capital federal para angariar verbas junto à bancada federal de Rondônia, além de transitar pelos ministérios e organismos públicos.

@@@ “TREINAMENTO” EM BRASÍLIA II

O “dia de treinamento” teria um objetivo: preparar Patrícia para assumir as rédeas da administração vilhenense no próximo ano, a fim de que o “Japa” possa deslanchar com seu propósito de tentar chegar à Câmara Federal. O plano é filiar-se ao PSC, partido que faz parte do grupo político que está sob influência do deputado estadual Luizinho Goebel, principal mentor de Eduardo. Nesse propósito, Japonês também anda peregrinando Rondônia afora em busca de apoio ao seu projeto político.

@@@ 1ª SESSÃO DO SEGUNDO SEMESTRE

De 17 de julho a 1º de agosto, os vereadores de Vilhena estão em recesso parlamentar. A primeira sessão ordinária do semestre está prevista para ocorrer em 3 de agosto. Até lá, os parlamentares “reabastecem” as baterias para voltar ao plenário e cumprir com suas prerrogativas de legisladores. Pelo menos essa é a intenção da maioria, já que há dois vereadores que não abrem a boca nem para dizer “bom dia” ou “até logo”. Entram mudos e saem calados. Citamos os nomes deles na coluna anterior. Tomara que esse pensamento mude. Sugerimos que leiam o Regimento Interno.

@@@ BEBEDOURO ESTRAGADO NO GINASIO

Atletas de Vilhena reclamam do bebedouro estragado dentro do ginásio Jorge Teixeira de Oliveira. Tem mais de seis meses que o equipamento só proporciona água quente. E, quem decide praticar atividades físicas no local deve trazer água gelada de casa. Semana passada, o novo secretário municipal de esporte, Wellington Ferreira, homem de diálogo e conhecedor dos problemas da pasta, disse ao Extra de Rondônia que já iniciou um procedimento administrativo na prefeitura para a aquisição de dois bebedouros. Que bom que ele tem essa visão de resolver o “pepino” deixado pelo ex-titular do cargo. Os atletas agradecem!

Bebedouro no ginásio Jorge Teixeira de Oliveira / Foto: Extra de Rondônia

@@@ QUINZE PRETENDENTES NA “CAPITAL DO CAFÉ”

Esta semana, a reportagem do Extra de Rondônia percorreu Cacoal para aferir a temperatura política neste importante município do centro-sul do Estado. Na “Capital do Café” constatou-se que há pelo menos 15 pretendentes a concorrer para a Assembleia Legislativa. Já para a Câmara Federal estão assumindo pré-candidatura o vereador Paulo Henrique e Hosana Capixaba, a esposa do ex-deputado federal Nilton Capixaba, ambos do PTB, o que, portanto, elimina pelo menos um deles da concretização do plano.

@@@ VASQUEZ E POPÓ

Ainda, em Cacoal, uma dupla de conhecidas personalidades políticas locais estão se articulando para concorrer ano que vêm: o ex-deputado estadual Celso Popó e Marco Aurélio Vasquez, que poderiam disputar os cargos de Federal e Estadual, respectivamente.

@@@ O FURIOSO

E tem novidade na cena da sucessão estadual esta semana. O prefeito de Cacoal, Adailton Fúria (PSD), que começou o mandato a pleno vapor e conseguiu despertar a atenção no Estado em virtude de confronto contra Marco Rocha na questão do lockdown, está começando a ficar interessado em entrar na peleja. Conhecido como “Furioso” por Rondônia afora, em virtude de suas manifestações em redes sociais fazendo alusão a personagens da franquia “Velozes e Furiosos”, assim como por se promover com expressões nacionais como Luciano Hang, o “Véio da Havan”, Adailton só precisa convencer o PSD a aceitar a ideia. Porém, não vai ser muito fácil, posto que a legenda comandada por Expedito Netto no Estado não esconde de ninguém que está calçando o senador Marcos Rogério no que diz respeito às eleições para o governo.

@@@ HILDON CHAVES NA DISPUTA

Comenta-se nos corredores da Prefeitura Municipal de Porto Velho que Hildo Chaves tem sim a pretensão de disputar as eleições ao governo de Rondônia, e concorrendo pelo PSDB. Segundo gente próxima ao mandatário da capital, ele aposta numa candidatura da deputada federal Mariana Carvalho ao Senado, situação que em se ponto de vista criaria um cenário favorável ao seu projeto político pessoal.

@@@ PROGRESSISTA AO SENADO

Falando em deputada federal rondoniense e Senado Federal, a pepista Jaqueline Cassol vai mesmo investir numa candidatura à chamada Câmara Alta. O entendimento é que neste momento é preciso abrir espaço no PP para que novas lideranças concorram a deputado federal, e com a opção de Jaqueline em concorrer ao Senado a missão está cumprida.

@@@ CACIQUE IVO

E esse é o plano da legenda no mundo real. Já no terreno da suposição e torcida, a legenda mantém a esperança que o cacique Ivo Cassol acabe conseguindo se livrar de seus impedimentos judiciais e concorra ao governo do Estado. Haja fé! E há motivos para tanto. Não existe hoje pesquisa séria acerca da sucessão estadual que não crave Ivo Cassol como líder na expectativa popular.

@@@ O FILÓSOFO NO PÁREO

E, apesar de tantas críticas, quem anda aparecendo constantemente em segundo nas sondagens é o ex-governador e atual senador Confúcio Moura. Quem achava que ele não havia deixado um legado positivo em seus quase 7 anos e meio de mandato está com as barbas de molho.

@@@ CONVOCAÇÃO DO PARTIDO

O PCdoB terá candidato ao governo do Estado nas eleições do ano que vêm. O jornalista Samuel Costa, que disputou a prefeitura da capital pela legenda esquerdista, confirmou que estará no páreo em 2.022, atendendo convocação do partido.

@@@ STAFF DO GOVERNADOR

No staff do governador, se projeta politicamente o secretário estadual de Saúde, Fernando Máximo. Em virtude de sua gestão no enfrentamento da Covid, ele acredita ter força perante à população para alimentar pretensões políticas. Outro que também está no páreo é Elias Rezende, que hoje comanda o DER, e já está com o pé na estrada visando construir uma candidatura à Assembleia Legislativa. Ele caminha a passos largos junto com Marcos Rocha, alavancado pelo programa “Tchau Poeira”, e seguirá o líder para o partido que o governador resolver se filiar a fim de tentar a reeleição.

sicoob credisul