Foto: Arquivo Extra de Rondônia/rede social

No início da tarde desta terça-feira, 03, o escrivão da Polícia Civil, Wagno Costa Ricardo morreu após atirar contra a própria cabeça com uma pistola calibre 380, dentro do barracão da feira do Centro de Vilhena.

Segundo informações levantadas pela reportagem do Extra de Rondônia, Wagno estava passando por um processo de separação e não vinha lidando bem com os fatos.

O escrivão chegou a ser socorrido com vida ao pronto-socorro ao Hospital Regional, mas não resistiu e morreu pouco tempo depois de dar entrada na unidade.

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO