Dhonatan Pagani (PSDB) / Foto: Extra de Rondônia

O vereador vilhenense Dhonatan Pagani (PSDB) lançou em suas redes sociais um questionário a ser preenchido por gestantes e mães que deram à luz com atendimento no Hospital Regional (HR) no sentido de “entender a dor” que essas mulheres enfrentam com o sistema de saúde oferecido pelo Município, assim como ter dados efetivos para chegar o grau de satisfação com o atendimento recebido.

Em defesa de sua iniciativa, o vereador declarou ao Extra de Rondônia que é comum na iniciativa privada se fazer sondagens do gênero, através do chamado “pós venda”, ocasião em que se mede o nível de qualidade de um produto ou serviço prestado.

“Não estou inventando nada, apenas fazendo um levantamento de dados que pode ser útil inclusive ao Executivo no sentido de apurar demandas, desfazer gargalos e melhorar o nível geral do atendimento prestado às mamães e gestantes de nossa cidade”, afirmou.

Ele explicou que a proposta permitirá que se saia do campo do disse-me-disse para algo mais científico e comprobatório, “pois não serão informações baseadas em denúncias ou rumores, mas sim captadas por quem passou pelo sistema de saúde e recebeu o atendimento disponível. “Trata-se de um modelo de gestão baseado na experiência do ‘cliente’, e isso na iniciativa privada é aplicado no sentido de sempre se aprimorar o que já existe”.

Pagani afirmou que não tem queixas a fazer quanto a direção do Regional, “que sempre nos atende com cortesia e atenção e nos presta informações solicitadas, entretanto considero que com esta outra forma de captação de dados iremos avançar”.

O questionário on line é muito simples de acessar e interagir, e está disponível no seguinte link: https://forms.gle/7qJLiS5fpbowXtTU8.

 

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO