Drogas e objetos apreendidos/ Fotos: Extra de Rondônia

Na madrugada deste sábado, 07, um grupo de jovens foi flagrado pela Polícia Militar em posse de drogas e um simulacro de arma de fogo e após contarem várias versões controversas para a guarnição, todos foram parar na delegacia em Vilhena.

De acordo com informações apuradas pela reportagem do Extra de Rondônia, uma guarnição se dirigiu até o bairro Florença, onde denúncia dava conta de que um grupo de jovens estaria com o intento de invadir uma casa.

Em rondas pelo local, os militarem se depararam com um grupo de 5 jovens na frente de uma residência localizada na rua 916, que batia com a descrição do denunciante.

Ao avistar a viatura, o grupo passou a agir de forma suspeita, tendo um dos presentes dispensado um invólucro de cocaína.

Em revista pessoal aos jovens, foi encontrado na cintura de um deles, um simulacro de arma de fogo.

Dentro do imóvel, estava uma adolescente e um homem e foram localizadas espalhadas por várias partes da casa, 4 porções de maconha, pesando aproximadamente 9 gramas, 1 porção de crack pesando aproximadamente 3 gramase e 7 porções de cocaína pesando aproximadamente 5 gramas.

Diante do flagrante, a menor afirmou ser dona de uma das porções de maconha, já um dos jovens afirmou que outro lhe devia o valor de R$ 50,00 e teria pago com uma das porções de cocaína.

Os demais envolvidos apresentaram versões diferentes sobre o que faziam no local, negando estarem  planejando algum tipo de assalto.

Dois dos envolvidos, que se disseram responsáveis pelo imóvel, por toda a droga e que já possuem passagens por tráfico, relataram estarem saindo apenas para comprar bebidas.

Outro jovem afirmou ter comprado cocaína de um dos moradores, porém, minutos depois mudou sua versão dizendo que comprou do outro, informação que foi negada pela menor.

Diante das inúmeras contradições que contaram, todos os 7 suspeitos foram conduzidos para a Delegacia da Polícia Civil, sendo a menor a acompanhada pelo Conselho Tutelar.

 

 

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO