Luizinho Goebel (PV) e Marcos Rocha / Foto: Divulgação

O deputado Luizinho Goebel (PV) junto com o governador do Estado Coronel Marcos Rocha (Sem partido) estarão na quarta-feira, 18, às 10h no município de Corumbiara para o lançamento do projeto “Tchau Poeira” em seis municípios do Cone Sul.

Com o projeto, os municípios receberão investimentos em asfalto e micro revestimento asfáltico a frio com emulsão modificada por polímero que é indicado para rejuvenescimento e impermeabilização de superfícies asfálticas desgastadas de ruas e avenidas.

A assinatura do Termo de Cooperação das obras do projeto “Tchau Poeira” serão realizadas com os municípios de Corumbiara, na quarta-feira (18/08), Pimenteiras do Oeste, quarta-feira (18/08) às 15h, Cerejeiras, quinta-feira (19/08) às 09h30, Cabixi, quinta-feira (19/08) 15h, Colorado do Oeste, sexta-feira (20/08) às 09h30 e Chupinguaia, sexta-feira (20/08) às 14h.

O “Tchau Poeira” é destinado a obras de asfalto novo e recapeamento em avenidas e ruas com recurso próprio do Estado e execução do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transportes (DER). São R$ 300 milhões investidos para beneficiar 52 municípios. O projeto já está presente em Ariquemes, primeiro município que está com obras, Pimenta Bueno, Vilhena, Costa Marques, São Francisco do Guaporé, Seringueiras e São Miguel do Guaporé e agora será lançado em seis municípios do Cone Sul.

Segundo o deputado Luizinho Goebel, as obras são realizadas por meio de cooperação entre municípios e o Poder Executivo. A contrapartida da prefeitura é apresentar o projeto, fazer drenagem e a sinalização vertical. Enquanto que o Estado fica com a parte mais cara da obra, a terraplanagem e asfaltamento.

“Agradeço ao Governo pelo início do ‘Tchau Poeira’ nos municípios do Cone Sul. São muitos anos sem receber um metro de asfalto nos municípios. E agora o nosso sonho está sendo efetivado’’, disse Luizinho Goebel.

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO