Vereador Ezequiel Câmara “Minduim” em evento em Brasília nesta quinta-feira / Foto: Divulgação

Através das redes sociais, o vereador Ezequiel Câmara “Minduim” (PP), de Cacoal, esclareceu o polêmico caso das diárias levado à tona pelo Extra de Rondônia no início desta semana (leia mais AQUI).

De acordo com o parlamentar, imagens publicadas por perfis fakes nas redes sociais são compartilhadas intencionalmente por populares aliados aos políticos interessados em denegrir a imagem daqueles que estão a trabalho em Brasília.

“Minduim” chamou as pessoas que tentam denegrir sua imagem de incomodadas e garante que “são os mesmos de sempre. Aqueles que vivem de politicagem a tanto tempo, pagos para propagar notícias por puro interesse”.

O Extra de Rondônia conversou com o parlamentar no final da tarde desta quinta-feira, 26, a respeito dos gastos com dinheiro público. Conforme o Portal da Transparência, ele recebeu 5.5 diárias no valor total de R$ 4.048,00. Além disso, obteve R$ 2.031,44 para passagem e combustível.

“O valor das diárias é depositado na conta do vereador para custear hospedagem, deslocamento e alimentação e outros. Já o valor de R$ 2 mil é das passagens e o combustível do veículo oficial que se desloca da Câmara de Cacoal até Porto Velho. O motorista descansa e retorna à ‘Capital do Café’. Quando eu digo que o vereador arca com o combustível, é o combustível do retorno para Cacoal, que é custeado pelo vereador com o valor das diárias. Nós chegaremos a Rondônia no sábado e o carro oficial sairá de Cacoal e vai até o aeroporto de Vilhena, onde chegaremos. Esse combustível de Vilhena a Cacoal será custeado pelos vereadores”, explicou “Minduim” ao site.

Despesas do parlamentar informados no Portal da Transparência da Câmara de Cacoal / Foto: Divulgação

 

>>> LEIA, ABAIXO, A MANIFESTAÇÃO DE EZEQUIEL “MINDUIM” NAS REDES SOCIAIS:

 

Divulgado ostensivamente nos últimos dias, imagens publicadas por perfis fakes nas redes sociais são compartilhadas intenciolmente por populares aliados aos políticos interessados em denegrir a imagem daqueles que estão a trabalho em Brasília.

O título polêmico da a entender que vereadores possuem diária de 5 mil reais quando na verdade, como pode ser conferido por qualquer popular, a diária para viagens para fora do estado é no valor de R$736,00, sendo de responsabilidade do parlamentar utiliza-la com responsabilidade no pagamento de Diária de hotel, transporte e alimentação.

Vale lembrar também que o combustível do veículo oficial qual leva o parlamentar a Porto Velho, é pago por aqueles que vão.

A Câmara Municipal de Cacoal gastou até o momento R$76.932,00 em diárias das quais o parlamentar Ezequiel Minduim, utilizou R$4.048,00(5,28% do total gasto) sendo o valor referente a 5,5 diárias usadas para ir a Brasília participar da XX Marcha de Parlamentares Municipais bem como visitar Senadores e Bancada Federal entregando pessoalmente a moção de apelo 03/CMC/2021 qual reinvindica apoio para viabilização e construção das marginais da BR364 até o Distrito do Riozinho.

“Peço a população que antes de julgar ou aceitar notícias que possam denegrir a minha imagem, me procurar a qualquer momento para satisfação. Deixei minhas empresas, minha família e meu reduto eleitoral a trabalho. Não tenho tempo para brincadeira. Essas pessoas que tentam denegrir estão incomodadas. São os mesmos sempre. Aqueles que vivem de politicagem a tanto tempo; fazendo exatamente isso, denegrindo quem busca melhorias. Pagos para propagar notícias por puro interesse.

Meu Distrito Riozinho, o município de Cacoal como um todo, naquilo que depender do meu empenho e dedicação, não só merecem mas vão continuar crescendo”, concluiu o vereador.

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO