Humberto Lago

Aquela empresa atuava na área de prestação de serviços e possuía duas lojas. O mercado parecia promissor, porém por algum motivo ela não conseguia deslanchar, o que causava certo constrangimento à administração.

Pois bem, eu estava começando meu trabalho quando o proprietário resolveu contar-me algo. Acabei de fazer um plano de marketing, objetivando aumentar as receitas, porém o resultado foi horrível e o retorno do investimento foi mínimo. Havia uma acentuada insatisfação no seu semblante.

Concebi este plano, o qual envolveu alguns milhares de reais. Resumidamente, ele compreendia a confecção de 40.000 panfletos, de ótima qualidade e conteúdo, para serem cuidadosamente distribuídos em regiões específicas. Foram selecionadas algumas fotos, exibindo nosso trabalho profissional, a presença e atendimento de clientes, o lindo e acolhedor ambiente interno, acompanhado de cafezinho, TV, ar condicionado etc.

Como esse empresário estava inconformado com os resultados, resolvi interromper meu trabalho para me dedicar ao assunto. Se você estivesse no meu lugar o que faria? E por quê?

Inicialmente pedi que me fornecesse alguns desses panfletos, pois gostaria de examiná-los. Li atentamente cada palavra, analisei as fotos, atentei para a identificação visual da empresa, etc. Ao final concluí o seguinte:

1.-Foi omitido o endereço de cada uma das lojas, o que impedia os clientes de chegarem até elas; 2.-A direção resolveu centralizar o atendimento aos clientes num único telefone, mesmo que isso vá contra o bom senso, em vez de manter um telefone para cada loja. Ocorre que o número do telefone que constou nos panfletos estava incorreto e era inexistente; 3.-Os panfletos, mesmo contendo esses erros grosseiros, foram diligentemente distribuídos. Contudo, como esperar que os clientes viessem até à firma se o telefone estava errado e não constava nos panfletos os endereços das lojas?

Continuando, perguntei ao proprietário que tipo de envolvimento ele teve com o programa e que follow-up fora feito para se certificar que tudo corria conforme planejado, ao que me respondeu: Eu concebi o plano, planejei a qualidade do material, idealizei as fotos, decidi sobre a distribuição dos mesmos e por fim empenhei-me na briga com a gráfica visando a redução de custos… Meus funcionários cuidaram dos demais  detalhes, tais como endereços e telefones ?!?!

Você compreendeu as razões do insucesso? Pode me dizer o que deveria ter sido feito para que o plano de marketing tivesse êxito?

Há atribuições, na gestão empresarial, que são indelegáveis. Campanhas como essa costumam ter um coordenador, o qual se envolve em todas as faces do planejamento. Não se pode investir milhares de reais se não houver controles adequados e a identificação dos responsáveis. A falta de organização é a mãe de muitos filhos, em todos os níveis hierárquicos. A incompetência tem seus custos e a insensatez seus limites. Pense nisso enquanto lhes digo até a semana que vem.

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO