José Carlos da Silva/Foto: divulgação

Na noite de quinta-feira, 16, o construtor José Carlos da Silva, de 49 anos, que estava desaparecido há três dias em Vilhena, reapareceu quase 10 kg mais magro, devido ter se perdido em uma mata localizada  a cerca de 50 km do perímetro urbano, sentido Juína.

Segundo informações levantadas pela reportagem do Extra de Rondônia, José foi até o local para mostrar a propriedade a um possível comprador, mas antes que este chegasse, entrou na mata para conferir se estava tudo certo com a fundiária e não conseguiu mais sair.

Como não retornou no horário que havia falado para a esposa, que está gravida de sete meses, a família deu início às buscas por José com a ajuda do Corpo de Bombeiros, porém, somente o veículo foi localizado na chácara.

Depois de três dias se alimentando de brotos de palmito e vagando desorientado na mata fechada, José conseguiu chegar sozinho na propriedade onde tudo começou e fazer contato com a família por volta das 21h.

Conduzido a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), o construtor se recupera bem ao lado da família.

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO