Márcio Nogueira / Foto: Divulgação

A criação de um laboratório de inovação e a defesa de uma Ordem dos Advogados do Brasil mais inclusiva e diversa em Rondônia foram os destaques da sabatina com Márcio Nogueira, pré-candidato à presidência da OAB/RO, realizada na semana na Casa Juntos Pela Advocacia.

No evento, que teve a participação de nomes importantes da advocacia rondoniense, Nogueira explicou o projeto do laboratório de inovação que implantará na OAB/RO se for eleito presidente da entidade nas eleições previstas para novembro. A proposta foi lançada após o questionamento de Giovane Veloso Marinho, 69 anos, um dos mais experientes advogados de Rondônia, que completa 40 anos de advocacia no próximo ano.

“Eu sempre digo que a tecnologia não é nossa inimiga, por isso precisamos usá-la a nosso favor. Ainda mais com a pandemia, teremos o antes e o depois. No Laboratório de Inovação, poderemos trocar informações com os colegas e promover cursos de especialização voltados para as necessidades específicas de cada nicho da advocacia”, pontuou Márcio Nogueira.

Líder do Movimento Juntos Pela Advocacia, Márcio falou também das transformações necessárias para construir uma Ordem mais participativa e integrada à sociedade. “É preciso ter uma OAB com mais participação de mulheres, negros, indígenas, pessoas com deficiência, LGBTQI+, idosos, ou seja, de todos os profissionais da advocacia rondoniense”, disse.

TRANSFORMAÇÕES NA OAB/RO

A sabatina com Márcio Nogueira foi conduzida por renomados advogados e advogadas do estado, representando diversas áreas de atuação no direito. Todos puderam questionar o pré-candidato sobre as propostas do Movimento Juntos Pela Advocacia – que tem o apoio de nomes de peso como o atual presidente da OAB/RO, Elton Assis, e os conselheiros federais da OAB Andrey Cavalcante e Alex Sarkis.

A respeitada advogada criminalista Maria Eugênia também questionou o candidato e ficou satisfeita. “Não foi à toa que decidi apoiar o movimento. Temos tudo para melhorar a inclusão da mulher, do negro e de tantas outras classes da advocacia rondoniense”, destacou.

O jovem advogado indígena Ganinga Surui, que atua em Buritis, também fez questão de comparecer à sabatina do Movimento Juntos Pela Advocacia. “Não conhecia pessoalmente o Márcio Nogueira. Gostei bastante de suas propostas sobre diversidade. Com ele na presidência da Ordem, seremos muito bem representados”.

Para Márcio Nogueira, a sabatina foi uma oportunidade de ampliar o diálogo com a categoria e reforçar a característica de pluralidade do Movimento Juntos Pela Advocacia, crucial para a construção de uma nova OAB em Rondônia.

“Nossa proposta é realizar, de forma colaborativa, as transformações necessárias na Ordem. Para isso, é preciso sempre fazer uma escuta ativa de toda a advocacia”, defendeu. “Com a sabatina, pudemos esclarecer nossas ideias para os colegas de profissão, que certamente vão nos ajudar a traçar novos caminhos para a nossa profissão no estado de Rondônia”, finalizou.

Foto: Divulgação
sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO