Alvo de polêmica, o projeto de lei nº 6.222/2021, que dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional suplementar no valor de R$ 1,3 milhão para decoração natalina em Vilhena, será decidido nesta quinta-feira, 21, em sessão extraordinária no Legislativo vilhenense.

Os trabalhos iniciam às 9h e será especificamente para encerrar o assunto polêmico projeto milionário, aprovando ou rejeitando a proposta.

O projeto, que foi retirado de pauta na sessão desta terça-feira, 18, divide opiniões entre os parlamentares pelo alto valor do projeto que supera os R$ 1,3 milhão. Inicialmente, era R$ 770 mil, só que mais duas avenidas foram incluídas.

Em parecer enviado à Diretoria Legislativa da Casa, o vereador Dhonatan Pagani (PSDB), presidente da Comissão de Obras, Serviços Públicos, Agricultura, Meio Ambiente, Terras, Indústria e Comércio (Cospamatic), se manifestou contrário ao projeto milionário. O vereador Pedrinho Sanches (Avante) também se manifestou contrário na sessão.

Por outro lado, ainda, na sessão, os vereadores Ronildo Macedo (PV) e Samir Ali (Podemos), presidente e vice da Casa, respectivamente, se manifestaram favoráveis ao projeto. “Com diálogo, vamos buscar o consenso e podem ficar tranquilos que vamos chegar a um denominador comum”, encerrou Macedo.

Para resolver o impasse de uma vez, em edição especial divulgada na tarde desta terça-feira, 19, no Diário Oficial do Município, o Ronildo Macedo determinou a publicação do edital nº 09/2021 convocando os vereadores para sessão extraordinária a ser realizada às 9h desta quinta-feira, 21, no plenário da Câmara de Vilhena, para votação, especificamente, do projeto de decoração natalina.

EMPRESÁRIO DEFENDE PROJETO           

Na sessão ordinária desta terça-feira, 19, o empresário Gilson Vieira, proprietário da Loja Daniela, usou a tribuna do Legislativo para defender a decoração natalina em Vilhena. Ele observa que realmente o valor é alto, mas clama por entendimento entre vereadores e prefeito para chegar a um resultado positivo.

O empresário Gilson Vieira usou a tribuna da Casa de Leis para defender o projeto / Foto: Divulgação

“É raro os empresários participarem desse ato, mas é necessário. O projeto vem sendo colocado há 5 anos e o investimento resultará em geração de empregos. Nós também contribuímos com impostos. Luz é tudo na vida. Veja a iluminação da avenida Melvin Jones, como ela era e como é hoje. Eu vejo com muita preocupação o momento que estamos atravessando e não existe ação social melhor do que o emprego. A decoração natalina é um pedido da classe empresarial. E as críticas fazem parte. Temos por exemplo a construção do prédio da Câmara de Vilhena e muitos dos que criticaram hoje usufruem desse ambiente. Tal vez não está da maneira certa, de alugar, porque não comprar, para reutilizar. Porém, o que me deixa triste, é a morosidade do Poder Público, já que essa situação estamos pedindo há cinco anos. Peço humildemente que deixem questões pessoais de lado e busquem entendimento com o Executivo para que isso aconteça. O valor realmente é alto, é muito dinheiro. Mas é pra isso que nós elegemos vocês. É para fiscalizar como vai ser gasto esse dinheiro. Se for mal executado, ‘mete o ferro’ quem executou errado. Mas precisamos que isso aconteça”, observou.

 

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO