Suspeito do crime é de nacionalidade colombiana / Foto: Extra de Rondônia

No final da tarde de sábado, 23, a Polícia Militar (PM) registrou mais um crime de homicídio em Cacoal.

Segundo informações do boletim de ocorrência, o fato ocorreu na rua Vinícius de Moraes, no bairro Jardim Clodoaldo, onde dois homens teriam entrado em vias de fato durante consumo de bebida alcoólica o que resultou no crime.

O suspeito do homicídio foi identificado como Omar Alexander Gutierrez Rengifoomem de 24 anos, de nacionalidade colombiana. Durante a briga, ele teria desferido golpes de faca contra a vítima.

Com o ocorrido, populares imediatamente acionaram uma equipe do Corpo de Bombeiros que socorreu a vítima até o Hospital Heuro. Porém, devido à gravidade dos ferimentos, o homem, de idade entre 45 e 60 anos, não resistiu e morreu.

A PM também foi acionada e esteve no local colhendo informações sobre o ocorrido, lograram êxito em prender o principal suspeito do crime.

Delegada pede ajuda para identificar vítima / Foto: Divulgação

Ainda, de acordo com informações do próprio suspeito, que a equipe do Extra de Rondônia teve acesso com exclusividade, ele relatou estar saindo de um determinado local para fumar um cigarro e tomou um tapa na testa e tentou apenas se defender. Porém, a todo instante ele nega que a faca usada no crime fosse dele.

Um Policial Federal que passava pelo local foi obrigado a realizar disparos de arma de fogo para o alto para tentar encerrar a confusão. O agente da lei foi quem conteve Omar até a chegada da PM.

O suspeito foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, onde foi registrada a ocorrência de crime de homicídio e encaminhado ao presídio onde ficará a disposição da Justiça.

Na manhã desta segunda-feira, 25, a Delegada do setor de Homicídios, Erica Demarch, em entrevista coletiva, relatou que o crime ainda é cheio de mistérios. Não se sabe ainda o que motivou a situação e também a vítima do ainda não foi identificada.

Com isso, ela pede a ajuda da população para que se tiverem informações de quem seja o homem assassinado que entrem em contato com a delegacia imediatamente pelo telefone ou WhatsApp (69) 3441-2812.  A delegada ainda divulgou uma foto da vítima para facilitar na identificação.

Faca usada no crime / Foto: Extra de Rondônia
sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO