Foto e vídeo: Extra de Rondônia

Um acidente grave envolvendo um ônibus da empresa Itt, um veículo de passeio Etios e uma carreta que ocorreu na primeira hora da manhã de terça-feira, 23, na BR-364, em Alto Garças/MT, deixou uma mulher morta e um homem gravemente ferido.

Segundo informações do empresario de Vilhena Marciel Baltazar da Rocha, proprietário da empresa MR Assessoria e Consultoria em Segurança do Trabalho, que passava pelo local no momento do cinistro e cedeu entrevista ao Extra de Rondônia, o carro colidiu com uma carreta e rodou na pista, momento em que foi atingido pelo ônibus, teve o motor arrancado e foi lançado para fora da via.

Na colisão, o motorista sofreu múltiplas fraturas e a passeira do banco da frente morreu minutos depois de Maciel e outros populares a retirarem do veículo.

No carro também havia um carona no banco de trás, que sofreu uma fratura em um dos braços, mas apresentava estar fora de risco. Já o motorista foi conduzido em estado grave ao hospital e Maciel não soube precisar se ele resistiu.

Ainda de acordo com o empresário, nenhum dos passageiros do ônibus se feriu, apesar do veículo ter tido um dos eixos arrancados e ter parado muitos metros de distância do local da colisão.

Após a chegada de uma ambulância Maciel seguiu regustrar os estragos e relatou que o que lhe causou maior espanto, foi o fato de muitas pessoas apenas tirarem fotos ao invés de tentar socorrer as vítimas.

“Quando vimos a situação a última coisa que pensamos foi em celular, primeiro tiramos as vítimas das ferragens e ficamos ao lado delas , só quando a ambulância chegou que fiz as imagens. Mas isso infelizmente é uma triste realidade no nosso país”, lamentou Maciel.

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO